Secretaria de Saúde de Bayeux realiza Dia D de Luta Contra as Hepatites Virais

O Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais foi lembrando pela Prefeitura Municipal de Bayeux, por meio da Secretaria de Saúde, nesta terça-feira (28), com uma ação na Policlínica Benjamin Maranhão. Foi o Dia “D” de luta contra a doença no município. “Na oportunidade, ofertamos testes rápidos, bem como informações sobre as formas de prevenção e combate dessa doença que causa inflamação no fígado e até o câncer”, informou Analéa Rodrigues, Diretora de Infecção Sexualmente Transmissível (IST) da Secretaria.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), destacou Analéa Rodrigues, mais de 290 milhões de pessoas vivem com hepatite viral e desconhecem que estão contaminadas em todo o mundo. “Acredito que o maior desafio da campanha, que é intitulada de Julho Amarelo, é de conscientização a sociedade para a existência e a prevenção da doença”, avaliou a Diretora da IST, lembrando que a Secretária de Saúde passou este mês de julho realizando ações nas comunidades.

Luta  – No Dia “D” de Luta Contra as Hepatites Virais, realizado pela Secretaria de Saúde na Policlínica Benjamin Maranhão, pacientes e funcionários participaram da testagem rápida e imunização contra as hepatites B e C, Sífilis. Na ocasião, também foram distribuídos preservativos e aplicadas doses da vacina contra gripe Influenza (H1N1).

A hepatite é uma inflamação do fígado que pode ser causada por vírus ou pelo uso de alguns medicamentos, álcool e outras drogas, assim como por doenças autoimunes, metabólicas ou genéticas. A doença atinge o fígado com diferentes tipos e sintomas; mas muitas vezes tem a característica de ser silenciosa —ou seja, demoram para apresentar sintomas. Com isso, a maioria das pessoas não sabe que tem a doença. Pensando nisso, o Ministério da Saúde e o Comitê Estadual de Hepatites Virais elegeram o mês de julho para chamar a atenção da sociedade: Julho Amarelo.