Com apoio da Prefeitura, Centro de Referência e Inclusão de Bayeux é legalizado pelo Governo

Do(a) Prefeitura Municipal de Bayeux por Coordecom em 05/07/2018 às 10:25



Após cinco anos de espera, a Prefeitura Municipal de Bayeux deu um grande passo para a população da cidade: a legalização do Centro de Referência e Inclusão da Pessoa com Deficiência (CRIS). Isso representa um avanço para o serviço que, agora, vai poder contar com o apoio do Governo Federal e terá autonomia e verba para estruturação física e ampliação dos serviços ofertados. A Prefeitura ainda disponibilizou um prédio próprio para sediar o CRIS.

De acordo com o diretor do CRIS, Luís Souza, o Centro existe desde 2013, mas como era um órgão subordinado à Secretaria de Educação, não tinha recursos próprios para suportes técnicos. Durante muito tempo, conseguir regularizar o Centro com CNPJ foi uma luta dos administradores do CRIS, e nessa gestão, enfim, foi possível o reconhecimento e legalização do CRIS.

“O prefeito Nôquinha me deu autonomia e auxílio financeiro para lutar por esta causa. Junto com uma equipe, tive um grande trabalho para criar o Regimento Interno do Centro, embasado no Estatuto da Pessoa com Deficiência, então enviamos para a Procuradoria do Estado onde foi aprovado e reconhecido junto à Receita Federal e ao MEC”, explanou Luís.

Ainda segundo Luís, com a legalização, o CRIS já foi contemplado com a sala multifuncional para 2020, está gerando o Senso e terá autonomia para solicitar verbas federais. “É, de fato, um presente que essa gestão está deixando para a população e para as pessoas com deficiência da cidade”, comemorou o diretor do CRIS.

O prefeito Mauri Batista (Nôquinha) explicou que deu o aval para que fosse possível a legalização do CRIS porque reconhece a importância dos serviços ofertados e a necessidade da população. “Temos com objetivo prestar o melhor serviço para o povo e todas as iniciativas que colaboram com esse objetivo receberão reconhecimento e atenção, com o CRIS não foi diferente. Parabenizo ao diretor Luís e a toda sua equipe pela assistência dada as pessoas com deficiência da nossa cidade”, disse.

O CRIS conta com uma equipe bem estruturada para atender as demandas, com profissionais como psicopedagogos, assistentes social, fonoaudiólogos, nutricionistas, terapeutas ocupacional, psicólogos, professores de libras e braile e interpretes. Com a regularização do Centro, em breve não será preciso pacientes da cidade procurarem a Fundação Centro Integrado de Apoio ao Portador de Deficiência – FUNAD, já que será um Centro de Referência que atenderá da mesma forma.

Tempo

Bayeux

Mín 22ºC
26º
Máx 30ºC
Variação de nebulosidade